Email:  
Senha:  
   
    Esqueci a senha!
    Cadastre-se
    :: home
  • Circular 338 - Março 2016
    Veja nesta Circular as seguintes matérias: Contribuição Sindical dos Empregados; Declaração IRPF/2016 – 2º Aviso! DEFIS - Declaração de...
    [leia mais]
  • DASN SIMEI - Declaração Anual para o Microempreendedor
    DASN SIMEI - Declaração Anual para o Microempreendedor Individual  Ano-Calendário de 2015  O Empresário Individual optante pelo Sistema de Recolhimento em Valores...
    [leia mais]
  • Crime de corrupção das pessoas jurídicas
    Resultado do trabalho da Subcomissão Especial de Crimes e Penas, da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ), o Projeto de Lei 4.895/2012 está pronto...
    [leia mais]
  • Empresas se capacitam para operar sistema digital da Receita
    A Escrituração Fiscal Digital (EFD) Pis/Cofins será detalhada por auditor da Receita Federal do Brasil para evitar envio incorreto de informações e possíveis multasValdívia...
    [leia mais]
  • Envio das Informações dos Estoques das Empresas Mensalmente
    Assim como as informações financeiras, de compras e vendas, pagamentos e Contratos devem ser enviadas mensalmente para a Contabilidade de sua Empresa, os Relatórios dos Estoques de...
    [leia mais]
  • Doações para o Fundo da Criança - Dedução do IR
    Doações para o Fundo da Criança - Dedução do IRContribuintes que estão apurando Imposto de Renda a Pagar em 2012 podem doar até 3% deste valor para Fundos...
    [leia mais]

ANTERIORES

DESTAQUES

Alta tecnologia e cerco do fisco dominam novo cenário contábil

SÃO PAULO

Uma verdadeira quebra de paradigmas marcou os últimos seis anos da contabilidade brasileira: a entrada do País nas normas internacionais do setor (IFRS) e a revolução tecnológica contribuíram para que o fisco apertasse o cerco às pequenas e médias. Estas foram algumas das mudanças que José Chapina Alcazar teve que ajudar seu setor a absorver enquanto presidente do Sindicato das Empresas de Contábeis de São Paulo (Sescon-SP). Depois de duas gestões consecutivas, Chapina deixará o cargo em janeiro de 2013 e seu o novo desafio será a entrada na presidência da Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis. Em seu lugar na gestão de 2013 a 2016 do Sescon-SP estará Sérgio Approbato Machado Júnior, que, segundo Chapina, deverá focar o mandato na comunicação com a União e no incentivo à Unisescon.


Fonte: DCI - Diário Comércio Indústria & Serviços
Paula Cristina
11/12/12

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

© 1989 - 2018 ASCON - Assessoria Contábil • Todos os direitos reservados • Política de Privacidade • Desenvolvido por: Gilvan TFS / Eric Costa